Difícil encontrar algum motivo dentro do time do Figueirense para nos deixar esperançosos. Mais uma vez jogamos um futebol que nos credencia a uma briga por uma vaga na Serie B 2013. O time mais uma vez mostrou ser incompetente para criar chances e tambem incompetente para finalizar as poucas que ainda tem. Realmente está dificil acreditar que o time comandado por Argel venha a repetir a boa campanha do ano passado ou que brigue na parte mediana da tabela.

O primeiro tempo mostrou um time mais atento, tentando marcar mais em cima e buscando controlar o jogo. Teve algumas boas investidas sobre a zaga Palmeirense, mas sem muita força e objetividade. Deola teve pouco trabalho no primeiro tempo, sendo que a unica boa chance de gol que tivemos, Julio Cesar a colocou no canto apos um belo voleio. O gol trouxe a esperança  de que enfim teríamos um domingo para comemorar. Mas uma falha de marcação na bola parada colocou a nossa vantagem por aguá abaixo e o empate foi cravado pelo adversário. O saldo do primeiro tempo foi ver um meio campo funcionando melhor com Botti, Doriva discreto no lugar de Igor e Coutinho, apesar das limitações, melhor do que Pablo era.

Mas o segundo tempo trouxe a tona o Figueira de quem tanto temos medo de ver. Time apático, sem força ofensiva, fomos totalmente envolvidos pelo Palmeiras, que passou a chegar com facilidade a meta do goleiro Wilson. Enquanto isso, as mudanças de Argel pouco fizeram em campo. Alem disso, mais uma vez Botti sai machucado. O que o Figueirense ja gastou de exames com ele esse ano não é brincadeira. Joga bem, mas ta ficando marcado por essas lesões. Pittoni e Aloísio tambem entraram e pouco fizeram. Alias, nosso atacante teve a unica boa chance alvinegra no segundo tempo, mas continua com a intenção de furar a rede a cada chute. Aloísio, faz o facil que você vai longe. No final, em um show de falhas, acabamos por levar dois gols e uma derrota na bagagem.

A situação está preocupante e reforços agora são mais que indispensáveis. A saída de Igor deixou um buraco em nosso meio campo. E para piorar, Julio Cesar está envolvido em uma possível negociação para o exterior, o que acabaria de vez com as esperanças de um bom ataque no campeonato. Teremos uma semana quente.

CONTRATAÇÕES: A noticia do fim de semana foi a que o Figueira estaria negociando  com Loco Abreu. Muitos jornalistas e fontes já informam que detalhes separam o Uruguaio de jogar pelo nosso Furacão. Seria um EXCELENTE nome, mas me causa estranheza uma contratação desse porte por um time onde a diretoria agora fala abertamente que NÃO tem dinheiro para contratar. E será que teríamos condições de brigar com concorrentes do porte de Palmeiras, Cruzeiro e Santos? Esse ultimo inclusive já ofereceu Elano em troca, mas a proposta foi rechaçada pela diretoria do Botafogo, que diz não abrir mão dos R$ 9 milhões da multa. Mais um motivo para duvidar da contratação.

Hoje nas rádios também se falou que o lateral do Joinville Eduardo estaria praticamente contratado, sendo o negocio fechado no inicio da semana, com a ida de Pablo para o norte do estado. Alem disso, Lima seria o plano B para o ataque e que Argel indicou Ricardinho para suprir uma necessidade do meio campo do time. Pelo jeito teremos novidades essa semana. É o que esperamos. Abraços.

 

Anúncios